Mais de 60.000 alunos capacitados

MG (31) 3495-4427, MG (31) 3450-3644, MG (31) 99201-0939, SP (11) 2368-9882, SP (11) 3522-8441,RJ (21) 4063-9441, PR (41) 4063-5441, RS (51) 4063-7441 , DF (61) 4063 6405

Curso nr 35 multiplicador – 40h

 

Curso nr 35 multiplicador bh / instrutor de trabalho em altura – 40h

 

O curso NR 35 MULTIPLICADOR tem o objetivo de capacitar profissionais para multiplicar a NR 35 através das práticas realizadas. Os conceitos e informações recebidos na teoria embasam o instrutor para uma abordagem total de todas as etapas do trabalho em altura explorando
o conhecimento de todos os recursos e equipamentos utilizados para então ministrarem o curso com segurança e qualidade para os trabalhadores que executarão as atividades.

Ao término do curso o instrutor terá proficiência para ministrar o treinamento da NR 35.

O curso tem validade de 2 anos.

O treinamento tem carga horária de 40 horas divididas em 16 horas de teoria e 24 horas de prática.

 

 

curso nr 35 instrutor

 

Ficou interessado no curso nr 35 multiplicador?

Matricule-se agora mesmo!

[email protected]

[email protected]

(31) 3495-4427

(31) 99201-0939

 

curso nr33 online pecém

 

 

NOME DO RESPONSÁVEL PELO PROJETO:

Carlos Alberto Maciel e Silva – Engenheiro de Segurança do Trabalho

CONTATOS:

Telefone: 3134954427

DADOS DOS CURSOS

NR 35 – Multiplicador de Trabalho em Altura.

OBJETIVO GERAL DA CAPACITAÇÃO

O treinamento da NR 35 TRABALHO EM ALTURA tem o objetivo de capacitar profissionais a exercerem sua função através dos conceitos e das práticas de segurança envolvendo a organização, o planejamento e a execução do trabalho em altura, explorando o conhecimento em todos os recursos e equipamentos.

A capacitação inicial dos trabalhadores deve ter carga horária mínima de oito horas, ser realizada dentro da jornada de trabalho, de acordo com as situações descritas pela NR 1, em sua nova redação dada pela Portaria SEPRT n.º 915, de 30/07/19:

1.6.1 O empregador deve promover capacitação e treinamento dos trabalhadores em conformidade com o disposto nas NR.

1.6.1.1 Ao término dos treinamentos inicial, periódico ou eventual, previstos nas NR, deve ser emitido cer­tificado contendo o nome e assinatura do trabalhador, conteúdo programático, carga horária, data, local de realização do treinamento, nome e qualificação dos instrutores e assinatura do responsável técnico do treinamento.

1.6.1.2 A capacitação deve incluir:

  1. a) treinamento inicial;
  2. b) treinamento periódico; e
  3. c) treinamento eventual.

1.6.1.2.1 O treinamento inicial deve ocorrer antes de o trabalhador iniciar suas funções ou de acordo com o prazo especificado em NR.

1.6.1.2.2 O treinamento periódico deve ocorrer de acordo com periodicidade estabelecida nas NR ou, quan­do não estabelecido, em prazo determinado pelo empregador.

1.6.1.2.3 O treinamento eventual deve ocorrer:

  1. a) quando houver mudança nos procedimentos, condições ou operações de trabalho, que impliquem em alteração dos riscos ocupacionais;
  2. b) na ocorrência de acidente grave ou fatal, que indique a necessidade de novo treinamento
  3. c) após retorno de afastamento ao trabalho por período superior a 180 (cento e oitenta) dias.

35.3. Capacitação e Treinamento

35.3.1 O empregador deve promover programa para capacitação dos trabalhadores à realização de traba­lho em altura.

35.3.2 Considera-se trabalhador capacitado para trabalho em altura aquele que foi submetido e aprovado em treinamento, teórico e prático, com carga horária mínima de oito horas, cujo conteúdo programático deve, no mínimo, incluir:

  • normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura;
  • análise de risco e condições impeditivas;
  • riscos potenciais inerentes ao trabalho em altura e medidas de prevenção e controle;
  • sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva;
  • equipamentos de Proteção Individual para trabalho em altura: seleção, inspeção, conservação e limitação de uso;
  • acidentes típicos em trabalhos em altura.

35.3.3.1 O treinamento periódico bienal deve ter carga horária mínima de oito horas, conforme conteúdo programático definido pelo empregador.

35.3.3.2 Nos casos previstos nas alíneas “a”, “b”, “c” e “d”, a carga horária e o conteúdo programático de­vem atender a situação que o motivou.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO TEÓRICO E PRÁTICO

O conteúdo apresentado abaixo é aplicado tanto para cursos presenciais, semipresenciais quanto para cursos EaD.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Noções de segurança no trabalho em altura;
  • Materiais e equipamentos;
  • Gestão de segurança em altura;
  • Primeiros socorros;
  • Nós e amarrações;
  • Técnicas de ancoragem;
  • Noções de acesso por corda (ascensão e descensão);
  • Noções de resgate em altura.

 

PROJETO PEDAGÓGICO NR 35 MULTIPLICADOR

Precisa de Ajuda?
não faça pagamentos por PIX.